Arquidiocese

Subsídios Semeadores de Esperança (2018/2019)
[+info]

Desejo subscrever a newsletter do Arciprestado de Vila do Conde/Póvoa de Varzim
20 Dez 2018
Luz Paz de Belém chega ao arciprestado de Vila do Conde/Póvoa de Varzim
Esta sexta-feira, dia 21 de dezembro, às 21h30 nas Caxinas tem lugar a cerimónia da distribuição da "Luz Paz de Belém", feita pelo Núcleo Cego do Maio, a todos os Agrupamentos de Escuteiros do mesmo.
PARTILHAR IMPRIMIR
 

Já imaginou na noite de Natal, as velas acesas em casa, terem uma chama a arder que veio diretamente da Gruta de Belém? Pois bem, leia atentamente o texto que se segue e que o Natal, acima de tudo, não esqueça o Aniversariante, o Deus Menino que veio na humildade simplicidade ao mundo para ser a nossa luz e a nossa esperança.

Esta sexta-feira, dia 21 de dezembro, às 21h30 nas Caxinas tem lugar a cerimónia da distribuição da "Luz Paz de Belém", feita pelo Núcleo Cego do Maio, a todos os Agrupamentos de Escuteiros do mesmo.

Mas a cerimónia não é apenas para eles, é aberta, e todos podem participar, não esquecendo as paróquias que não têm Agrupamento de Escuteiros e, por isso, não fazem a distribuição desta Luz. Mais uma razão para participar nesta cerimónia.

Mas o que é a "Luz Paz de Belém"?

Esta é uma luz, acesa na Gruta da Natividade onde Jesus nasceu, em Belém, e trazida por uma criança para a Áustria. 

Tudo começou numa ideia lançada pela televisão pública austríaca, no âmbito de um programa social intitulado “Light in the Dark” (Luz no Escuro), dedicado a pessoas carentes, tanto na Áustria como nos países vizinhos. 

Progressivamente os escuteiros austríacos começaram a divulgar esta ideia com algumas adaptações à vida escutista, mas mantendo sempre o espírito do serviço às crianças carenciadas.

Em 1990, a adesão, por todo o mundo, era tão grande que houve necessidade de assinar um acordo entre escuteiros e guias, de muitos países, para permitir que a luz, vinda de Belém para Viena, viajasse através da Europa e da América. 

Assim, todos os anos, uma criança do norte de Áustria recolhe a luz na gruta onde Jesus nasceu e leva-a para a Europa, onde é distribuída, numa cerimónia ecuménica, em Viena, semanas antes do Natal. A Luz é entregue às delegações participantes para que a façam chegar aos seus respetivos países com uma mensagem de Paz, Amor e Esperança.

Depois, em cada país, as associações aderentes fazem, em cerimónia própria, a distribuição da Luz da Paz de Belém para que os seus escuteiros a possam redistribuir pelas igrejas, casas particulares, hospitais, lares de idosos, prisões, locais públicos de desenvolvimento social, cultural, político ou em qualquer lugar onde se aprecie o seu significado. 

Em Portugal, na primeira década deste século, a Luz chegava pela mão do Movimento Scout Católico de Espanha e também pela mão de um Cônsul Honorário da Áustria, residente em Albufeira, e, neste caso, a partilha da Luz era feita na Igreja Matriz desta cidade em cerimónia ecuménica com copresidência do pároco e do presidente da Câmara.

Nos nossos dias, uma delegação de escuteiros portugueses desloca-se a Viena e transporta a Luz diretamente para Portugal onde, em cerimónia nacional onde é partilhada com os nossos escuteiros. 

A nível nacional a mesma chegou no domingo, dia 16 de Dezembro à Sé Catedral da Guarda. 

Após a cerimónia, pela mão dos Escuteiros de todo o país, foi transportada para cada uma das dioceses e, nestas fez-se uma cerimónia onde foi distribuída a cada um dos núcleos da sua região.

No nosso, Núcleo Cego do Maio, chega esta sexta-feira, dia 21 à Igreja de Nosso Senhor dos Navegantes, nas Caxinas, às 21h30. 

Nesta cerimónia, estão todos os Agrupamentos de Escuteiros que a fazem chegar depois às suas comunidades paroquiais. 

Deixamos por isso o convite a que todos participem nesta cerimónia e, se porventura na sua comunidade paroquiam não existe Escutismo, mais uma razão para aparecer, na certeza de que no dia de Natal, todas as velas acesas em casa, tiveram de cerimónia em cerimónia, a "Luz da Paz" a chegar de Belém até à família de cada um.

PARTILHAR IMPRIMIR
Palavras-Chave:
Arciprestado de Vila do Conde/Póvoa de Varzim
Contactos
Vice-Arcipreste:

Paulo César Pereira Dias