Arquidiocese

Semeadores de Esperança:
I Tema
(+info)

Desejo subscrever a newsletter da Arquidiocese de Braga
8 Dez 2016
A casa da Humanidade a construir
Homilia na Solenidade da Imaculada Conceição.
PARTILHAR IMPRIMIR
  © Avelino Lima

Um dos elementos que define a qualidade da vida humana é a casa. Através dela aferimos o índice de qualidade e de conforto que caracterizam a vida de quem nela habita.

Felizmente, nos últimos anos, em Portugal, tem crescido o conforto das casas dos portugueses. Mas, por outro lado, encontramos infelizmente tantas outras sem o mínimo de condições para viver e ainda bairros sociais degradados. Algumas casas – ainda que poucas – sem água, saneamento e luz. Partindo desta realidade, e quando agora olhamos para o mundo à nossa volta, impressiona-nos ainda mais o que acontece nos países em guerra ou com os refugiados, obrigados a viver em tendas e barracas que não garantem condições mínimas, particularmente com o frio e a chuva.

Não podemos aceitar certas situações. Devemos reagir com atenção e intervenção. A dignidade universal é o critério base e indispensável para uma sociedade que se considere evoluída.

Também Maria teve a sua casa. Desde a gruta de Belém até à casa de Éfeso, passando por Nazaré, podemos imaginar a pobreza nas ruas por onde passou Maria. Mas podemos também imaginar a beleza de uma vida sóbria e equilibrada, o convívio supre as dificuldade e o afecto acrescenta qualidade de vida. Este ano quisemos servir-nos da ideia da casa para, em Ano Mariano, descobrir o segredo de uma vida que privilegia a contemplação. Partimos de uma referência bíblica, descrita no evangelho segundo S. João: “A partir daquele momento, João levou Maria para sua casa”.

Tomar Maria, para a levar até às nossas casas, significa uma predisposição da nossa parte para ver a realidade quotidiana e a vida eclesial segundo o seu olhar. É disso exemplo a devoção mariana na piedade popular, os santuários e as peregrinações, as famílias e as paróquias, bem como as periferias humanas. Constituem-se autênticas “casas” de Maria onde, com ela e como ela, contemplamos a fé.

 

Descarregue abaixo o PDF da homilia

PARTILHAR IMPRIMIR
Departamento de Comunicação
Contactos
Director

P. Paulo Alexandre Terroso Silva

Morada

Rua de S. Domingos, 94 B
4710-435 BRAGA

TEL

253 203 180

FAX

253 203 190