Arquidiocese

Peregrinação Jubilar das Pessoas com Deficiência. Inscrições abertas.
(+info)

Desejo subscrever a newsletter da Arquidiocese de Braga
25 Dez 2016
Natal, habitar o humano
Homilia no dia de Natal.
PARTILHAR IMPRIMIR
  © Arquivo DM

Acabamos de ouvir: “E o verbo fez-se carne e habitou entre nós. Nós vimos a sua glória, glória que Lhe vem do Pai como Filho Unigénito, cheio de graça e de verdade”. Nós vimos e experimentamos que o Verbo se fez carne e habitou entre nós. Eis a realidade profunda. O filho unigénito do Pai quis montar a Sua tenda na terra e habitou entre nós.

Hoje, a história da Igreja deve seguir um itinerário semelhante: não esquecer a sua vocação de sacramento da presença de Deus entre os homens. O amor de Deus, tal como há dois mil anos, anseia por entrar e permanecer na história da Humanidade. Crescemos, infelizmente, habituados à dicotomia entre o humano e o divino. Mas, o que a incarnação nos revela é que, em Cristo, o divino fez-se carne e deseja abraçar tanto a beleza como a ambivalência e as interrogações da realidade humana.

Cristo deve habitar o mundo e salvar o Homem: eis o conteúdo da mensagem a ser proclamada pela Igreja. Para isso são necessários intérpretes cujos pés sejam belos, mesmo que caminhem sobre os íngremes montes da problemática actual. Estes mensageiros – que são todos os membros da Igreja – devem preocupar-se menos com a quantidade das verdades a anunciar e mais com o estilo de vida a testemunhar. Uma vida fiel a Jesus é, em si mesma, uma Verdade anunciada.

Alguém referia que muitos pretendem que o cristianismo seja um “corpo estranho” na Europa. Mas dizia, ao mesmo tempo, que era possível manter a sua relevância caso ela seja credível e fiel ao seu intento de mostrar Cristo. Deus habitará o presente histórico dos Homens quando estes assumirem – enquanto crentes – o papel que lhes compete. Refiro-me sobretudo à transparência de vida e ao testemunho de que Deus vive entre nós. É isto o que falta à Igreja! Avança preocupada com a reforma e com a modernização das estruturas quando o fundamental é de outra ordem: Deus deve habitar o humano.

 

Descarregue abaixo o PDF da homilia

PARTILHAR IMPRIMIR
Documentos para Download
Departamento de Comunicação
Contactos
Director

P. Paulo Alexandre Terroso Silva

Morada

Rua de S. Domingos, 94 B
4710-435 BRAGA

TEL

253 203 180

FAX

253 203 190