Arquidiocese

Hi-God: Um dia com Deus
Inscrições abertas
(+info)

Desejo subscrever a newsletter da Arquidiocese de Braga
8 Abr 2017
Hora de ousadia perante o bem comum
Discurso na inauguração e bênção das novas instalações do Diário do Minho
PARTILHAR IMPRIMIR
 

Com novos espaços, quero reafirmar que, como empresa igual a todas as outras, não descuraremos a vertente económica. Continuaremos, todavia, a apostar nos autênticos valores humanos de modo a permitir e a facilitar o desenvolvimento do trabalhador e, por meio dele, da sociedade. Respeitaremos todos e todas que connosco trabalham e ofereceremos à sociedade um produto de qualidade que dignifique a Arquidiocese e a cidade de Braga. As pessoas valem por si mas todos sabem que o bem estar da empresa depende da dedicação e entrega e, sobretudo, de um profissionalismo que cresce na qualidade através de uma formação persistente e de uma insatisfação que conduz a trabalhar melhor.

Nesta inauguração dos novos espaços e de novas condições de trabalho, não esqueceremos que o jornal, a celebrar 98 anos de existência, é a pérola que estimamos e a quem devotamos a nossa maior atenção. A sua história dignifica-nos e o seu futuro responsabiliza-nos. Os tempos não são favoráveis para a imprensa escrita. Sabemos, porém, que estamos ao serviço da verdade da pessoa e da sociedade. Queremos estar onde está a pessoa humana com a sua história concreta para, numa atitude de construção positiva e de reflexão crítica dos acontecimentos, formar sem monopólios e informar de modo plural, sempre na fidelidade ao editorial de um jornal que se norteia por valores cristãos. Nunca nos devemos deixar vencer por interesses particulares ou partidários. Queremos ser uma voz capaz de levar os leitores a pensar criticamente a realidade e comprometerem-se na construção de uma sociedade mais justa e humana. No respeito pela nossa identidade, não fugiremos à alegria de ajudar a Igreja a anunciar uma mensagem libertadora, dirigida a todos, e de lutar pela dignidade dos mais vulneráveis e frágeis.

Estes novos espaços têm a particularidade de serem partilhados com a Oficina de S. José. É uma instituição que, na sua história, transportou a Arquidiocese para o essencial da sua missão: viver para os mais frágeis e débeis. Temos outras instituições idênticas que nos recordam sempre que vivemos para servir sem nada pretender. Muitos compreendem este trabalho silencioso. Outros negligenciam-no. Nós continuaremos a promover a dignidade humana, mesmo que não nos ajudem ou até nos ignorem.

Obrigado a quem sonha esta igualdade e fraternidade na sociedade. Elevemos a fasquia e que este novo local revele que a nossa tarefa se resume no velho aforisma do Plus Ultra.

† Jorge Ortiga, Arcebispo Primaz

 

Pode descarregar abaixo o PDF do discurso na íntegra.

 

 

PARTILHAR IMPRIMIR
Documentos para Download
Departamento de Comunicação
Contactos
Director

P. Paulo Alexandre Terroso Silva

Morada

Rua de S. Domingos, 94 B
4710-435 BRAGA

TEL

253 203 180

FAX

253 203 190