Arquidiocese

Dia Arquidiocesano da Família: inscrições abertas
[+info]

Desejo subscrever a newsletter de Escola de Música Litúrgica São Frutuoso
Escola de Música Litúrgica São Frutuoso | 17 Ago 2018
A voz da Assembleia cristã
PARTILHAR IMPRIMIR
 

A VOZ DA ASSEMBLEIA CRISTÃ

A voz da Igreja é a voz do Corpo de Cristo que, através dos tempos e em todas as latitudes continua a dirigir ao Pai a sua oração filial. Tendo em conta que a voz da assembleia cristã incarna a voz de Cristo, ela é uma realidade santa que devemos venerar como tal. Tendo designado a assembleia como sujeito da liturgia, o Concílio Vaticano II pede aos pastores que velem para que, em qualquer acção sagrada que se deve realizar com o canto, toda a assembleia dos fiéis possa participar ativamente (SC 114). Por isso, ninguém pode monopolizar o canto pois o canto de todos é a forma ideal da participação comunitária.
O canto da assembleia é estimulado, sustentado e enriquecido na sua expressão sonora pelo canto daqueles que para isso têm um especial carisma. Longe de ser uma multidão indistinta, a assembleia celebrante é composta de diversos membros que trazem ao todo a sua competência particular. Desta forma, a liturgia assemelha-se a uma obra sinfónica em que os momentos do canto se realizam em diferentes planos sonoros: O canto de todos, o canto do grupo coral, o canto do presidente (presbítero ou diácono), do solista, do salmista e do chantre. A acção litúrgica reveste uma forma mais nobre quando se realiza com o canto, cada ministro exercendo a sua função própria e em que todo o povo participa.
Todavia, isto não implica que todos devam cantar tudo, nem tão pouco que os grupos corais e os solistas devam renunciar ao exercício da sua arte. Quando todos devem cantar, o grupo coral e os solistas ajudam a assembleia a dar ao canto o carácter que lhe convém; quando o canto de todos não é requerido, o grupo coral e os solistas oferecem à oração de todos um suporte de qualidade e de beleza contribuído assim para a participação de todos os fiéis. Desta forma, o grupo coral ou os solistas entram na acção litúrgica, tornando-se, pelos ritos nos quais participam, membros vivos do Corpo de Cristo.

PARTILHAR IMPRIMIR
Escola de Música Litúrgica São Frutuoso
Contactos
Morada

Avenida de São Frutuoso
4700-303 Braga

TLM

966300419

Director

Departamento Arquidiocesano para a Música Sacra

Quer dar uma ideia à Arquidiocese de Braga com o objectivo de melhorar a sua comunidade?

Clique Aqui

Quer dar uma sugestão, reportar um erro ou contribuir para a melhoria deste site?

Clique Aqui