Arquidiocese

Caminhada Litúrgica
Advento e Natal

[+info]

Desejo subscrever a newsletter de Departamento para a Pastoral Vocacional
Departamento Arquidiocesano da Pastoral Vocacional | 23 Out 2019
Equipas Arciprestais da Pastoral para as Vocações interpeladas a ‘levantar-se’ e a arriscar
Do risco do Amor ao riso que brota da Cruz
PARTILHAR IMPRIMIR

O Departamento de Pastoral para as Vocações da Arquidiocese de Braga promoveu no passado dia 19 de Outubro, sábado, um encontro com todas as Equipas Arciprestais da Pastoral Vocacional, que se realizou no Centro Pastoral da Arquidiocese, subordinado ao tema “Levanta-te e Ri… e Arrisca”.

Esta iniciativa, à qual presidiu o Pe. Mário Martins, Coordenador do Departamento de Pastoral para as Vocações, acompanhado por alguns dos elementos que compõem o mesmo, contou com a presença de representantes de grande parte dos Arciprestados da Arquidiocese, desde Sacerdotes Assistentes aos leigos que com eles constituem as Equipas Arciprestais.

Com início marcado para as 10h00, depois de um momento de oração, este encontro contou, na sua primeira parte, com um tempo de reflexão sob orientação do Pe. Jorge Vilaça.

O orador convidado, partindo dos três verbos em destaque na temática do encontro, começou por lembrar que “o levantar nos indica serviço e vocação”, enquanto “arriscar”, estando intimamente ligado com o “discernimento vocacional”, nos aponta para um “risco calculado”, tendo por horizonte “um riso que brota da Cruz”.

Aprofundando a sua partilha, o sacerdote centrou-se num outro verbo: amar. Enfatizou que “nada nos obriga a amar, a não ser que reconheçamos ter sido amados primeiro, a não ser que descubramos uma forma de amar que nos institua pessoas e a não ser que descubramos um Lugar Outro”.

Questionando depois sobre “os conteúdos e os meios” sobre os quais se deve fundamentar a Pastoral Vocacional, o Pe. Jorge salientou que, segundo a pedagogia bíblica, somos “sonhados e enviados por Deus”, sendo que Ele se apresenta como “salvador e redentor”, um “Deus que é bom” e pleno de “compaixão”. O sacerdote frisou, a propósito, que aqui reside “a gratuidade que nos faz pessoas, quebrando o vínculo instintivo”, e que nos conduz à verdadeira “alegria”, aquela emana “da ressurreição, da confiança, do dom do perdão e da promessa do Espírito Santo”.

Na segunda parte da reunião, o Departamento Arquidiocesano de Pastoral para as Vocações partilhou com os presentes todas as actividades e iniciativas que tem vindo a promover ou para as quais tem sido convidado a participar, partindo da projecção do videoclipe do Hino da Semana de Oração pelas Vocações de 2019 – “Arrisca” – e lembrando que através destas e de outras diferentes iniciativas, quer o Departamento quer as Equipas Arciprestais, são desafiados a “abrir janelas nas comunidades e na vida e no coração de cada baptizado e, particularmente, de cada jovem”, de modo a que cada um “possa abrir-se a novos horizonte e, colocando-se à escuta de Deus que chama, experimente a verdadeira alegria”. Este momento ficou ainda enriquecido pelo testemunho da Equipa Arciprestal de Vila do Conde e Póvoa de Varzim, recentemente criada.

Depois de um tempo de diálogo e partilha, o Pe. Mário Martins tomou a palavra para concluir o encontro, agradecendo a presença de todos e lembrando a necessidade de sempre se despertar para a centralidade da Pastoral Vocacional, promovendo uma proximidade em rede, que permite chegar a todos, “coração a coração”, “semeando esperança” em todas as comunidades e na vida de cada um.

 

PARTILHAR IMPRIMIR
Departamento para a Pastoral Vocacional
Contactos
Morada

Rua S. Domingos, 94 B
4710-435 Braga

TEL

253203180

FAX

253203180

Coordenador

P.e Dr. Mário Martins Chaves Rodrigues

Quer dar uma ideia à Arquidiocese de Braga com o objectivo de melhorar a sua comunidade?

Clique Aqui

Quer dar uma sugestão, reportar um erro ou contribuir para a melhoria deste site?

Clique Aqui