Arquidiocese

Ano Pastoral 2021+2022

"Onde há amor, nascem gestos"

[+info]

Desejo subscrever a newsletter de Revista de Imprensa Internacional
DACS com The Tablet | 27 Jan 2022
Cardeal encontra-se com reclusos como parte do processo sinodal
A visita do Cardeal Nichols foi organizada pela "Prison Advice and Care Trust", que gere o centro de visitantes de "Wormwood Scrubs".
PARTILHAR IMPRIMIR
  © Andy Aitchison

O cardeal Vincent Nichols visitou a prisão de Wormwood Scrubs naquilo que descreveu como uma extensão do processo sinodal.

Em particular, referia-se ao pedido do Papa para que os cristãos se envolvam no exercício de se “escutarem profundamente e com respeito uns aos outros”.

Sentado com um grupo de reclusos católicos na capela vitoriana de Wormwood Scrubs, o cardeal explicou aos prisioneiros que queria “ouvir aqueles que muitas vezes podem ser esquecidos”.

Partilhando as suas lutas com o cardeal Nichols, os homens falaram das suas preocupações com o impacto das restrições da Covid no seu próprio bem-estar, com prisioneiros confinados nas suas celas durante 23 horas do dia, bem como os seus relacionamentos familiares. E, apesar da importância da fé para as suas vidas na prisão, alguns sentiam ansiedade em relação ao acolhimento na vida paroquial, uma vez que as suas sentenças chegassem ao fim.

O cardeal foi recebido na prisão pelo padre Chima Ibekwe, capelão católico dos cerca de 1.200 reclusos de Wormwood Scrubs. Falando sobre a visita, o padre Chima disse: “Todos aqui em Wormwood Scrubs abraçaram a visita do cardeal. Os homens ficaram tão satisfeitos quando ele se sentou com eles”.

Mais tarde, o padre Chima presenteou o cardeal com uma prenda dos ireclusos e funcionários da prisão, uma imagem inscrita com as palavras de Cristo no Evangelho de Mateus: “Eu estava na prisão e vieste visitar-Me”.

A visita do Cardeal Nichols foi organizada pelo Prison Advice and Care Trust, que gere o centro de visitantes de Wormwood Scrubs, dando apoio a pessoas presas antes de entrarem no sistema prisional, durante o seu tempo como reclusos e após alibertação. Estabelecida pela primeira vez como a Catholic Prisoners Aid Society em 1898, a Pact opera através de uma mistura de funcionários remunerados e voluntários, e actua em 55 prisões na Inglaterra e no País de Gales. O cardeal Nichols é o actual presidente da organização.

De acordo com o Vademecum, ou manual, para o Sínodo 2021-2023, a sinodalidade envolve “escutar-nos uns aos outros, e especialmente aos que estão à margem, discernindo os sinais dos tempos”. Em comunicado, a Arquidiocese de Westminster disse que a sessão com o Cardeal Nichols foi uma forma de “possibilitar a participação daquelas pessoas na vida da Igreja”.

Artigo de Madoc Cairns, publicado no The Tablet a 27 de Janeiro de 2022.

PARTILHAR IMPRIMIR
Palavras-Chave:
Reclusos  •  Sínodo  •  Cardeal Nichols  •  Escuta  •  Periferias
Revista de Imprensa Internacional
Contactos
Morada

Rua de S. Domingos, 94 B 4710-435 Braga

TEL

253203180

FAX

253203190

Quer dar uma ideia à Arquidiocese de Braga com o objectivo de melhorar a sua comunidade?

Clique Aqui

Quer dar uma sugestão, reportar um erro ou contribuir para a melhoria deste site?

Clique Aqui