Arquidiocese

Ano Pastoral 2020+2021

"Uma Igreja sinodal e samaritana"

[+info]

Desejo subscrever a newsletter do Arciprestado de Fafe
Ana Afonso Curralo | 16 Mai 2021
55º Dia Mundial das Comunicações Sociais
Mensagem Pontifícia destaca importância do encontro pessoal: "Vem e verás" (Jo 1, 46)
PARTILHAR IMPRIMIR
 

O Papa Francisco transmitiu a sua mensagem, relativa ao Dia Mundial das Comunicações Sociais, que se celebra hoje, destacando a perigosa manipulação de informação que acontece principalmente nas plataformas digitais.
Começou por convidar toda a gente a seguir os primeiros encontros de Jesus com os seus discípulos: ir, ver, estar, ouvir, absorver e aprender. Libertar-nos do ciclo vicioso do 'eu já sei' e procurar seguir um método de comunicação humana verdadeira. Deste modo, quis salientar que não deseja isso somente para a comunicação eclesiástica mas para toda a comunicação social, “tanto na redação dum jornal como no mundo da web, tanto na pregação comum da Igreja como na comunicação política ou social”.
A tecnologia digital é fantástica para conseguir transmitir informação de forma mais rápida e fazer com que chegue a um maior número de pessoas. No entanto muitas vezes não existe seleção dos conteúdos transmitidos, sendo recorrente a partilha de informação falaciosa. O Santo Padre alude a que “todos somos responsáveis pela comunicação que fazemos, pelas informações que damos”. Notabilizou também a importância de sermos capazes de discernir o que é boa informação e sentirmos o peso da responsabilidade na receção e difusão de conteúdos, “pelo controlo que podemos conjuntamente exercer sobre as notícias falsas, desmascarando-as”. 
Todos os instrumentos de comunicação são importantes, mas só se tornam úteis e válidos se nos impulsionaram a procurar e ver com os nossos próprios olhos coisas que, caso contrário, nunca chegaríamos a conhecer.
Assim, sugere que a partilha de informação deva ser sempre feita com qualidade, veracidade, paixão e envolvimento, porque “na comunicação, nada pode jamais substituir, de todo, o ver pessoalmente”. 
“Todos estamos chamados a ser testemunhas da verdade: a ir, ver e partilhar”, destaca.

+ info: https://agencia.ecclesia.pt/portal/mensagem-do-papa-para-o-55-o-dia-mundial-das-comunicacoes-sociais/

(Imagem retirada da internet)

PARTILHAR IMPRIMIR
Arciprestado de Fafe
Contactos