Arquidiocese

Beato Bartolomeu dos Mártires já é Santo
[+info]

Desejo subscrever a newsletter da Arquidiocese de Braga
22 Dez 2015
O orvalho para uma sociedade humana
Comentário na oração de Laudes do encontro do Clero
PARTILHAR IMPRIMIR
 

Os tempos de crise esperam soluções rápidas e amedrontam, inquietam as pessoas enquanto elas não acontecem. As grandes revoluções, regra geral, provocam mortes e destruição. Só as coisas pequenas conseguem penetrar nas estruturas do mal. É a persistência destas pequenas coisas que consegue provocar, silenciosamente, a derrocada das coisas más, por vezes tão grandes.

Hoje a Igreja necessita de um Pentecostes que abane as estruturas caducas, tornando-as mais incisivas no mundo. Só o orvalho silencioso dos testemunhos e a força dos pequenos gestos, de cariz misericordioso, penetrarão nessas estruturas do mal para as transformar por dentro. Será que damos a vida ao mundo através do nosso ser e agir?

As nuvens ameaçadoras dos tempos que correm podem ter dois efeitos: provocar catástrofes ou então anunciar o sol que o único justo oferece. Desta forma, que hei-de fazer? Temo as nuvens ou confio no justo que, pelo meu abandono nas suas mãos, ultrapassa a densidade misteriosa de certos eventos e realidades para brilhar com maior esplendor? Como posso abrir-me ao dom da misericórdia de Deus para que a minha misericórdia chova sobre os justos e injustos? Como pastor, carrego os homens feridos e dedico-lhes tempo nas circunstâncias da vida sacerdotal?

+ Jorge Ortiga, Arcebispo Primaz

Pode ler a homilia completa aqui.

PARTILHAR IMPRIMIR
Departamento para a Comunicação Social
Contactos
Director

P. Paulo Alexandre Terroso Silva

Morada

Rua de S. Domingos, 94 B
4710-435 Braga

TEL

253203180

FAX

253203190