Arquidiocese

Ano Pastoral 2021+2022

"Onde há amor, nascem gestos"

[+info]

Desejo subscrever a newsletter da Arquidiocese de Braga
DACS | 9 Nov 2021
Legião de Maria agradeceu e festejou centenário
O coro dos Arautos do Evangelho, acompanhado ao órgão e vários outros instrumentos, ajudou à celebração.
PARTILHAR IMPRIMIR
 

A Legião de Maria da Diocese de Braga esteve ontem de tarde no Sameiro, para agradecer os cem anos de existência do movimento.

O encontro começou às 15h00 na cripta do Santuário Mariano. Por indicação do Senatus – direcção nacional do movimento – procurou-se que todas as dioceses do país celebrassem à  mesma hora o centenário.

Foram centenas os legionários e legionárias de Maria que compareceram, com um Vexillum – estandarte processional, inspirado no estandarte das legiões romanas –, as bandeiras do movimento. Cada membro activo trazia consigo um lenço vermelho com o símbolo deste movimento mariano.

O coro dos Arautos do Evangelho, acompanhado ao órgão e vários outros instrumentos, ajudou à celebração.

Presidiu à celebração da eucaristia o Pe. Fernando Silva, Director Espiritual do Comitium de Braga, tendo ao seu lado o Director Espiritual do Comitium de Vila Nova de Famalição, o Pe. José Pedro Novais, o Cónego Valdemar Gonçalves, e os Directores Espirituais, o Pe. João Granja, da Cúria de Barcelos, o Pe. Ezequiel Vilas Boas, da Cúria Juvenil de Guimãres, o Pe. Avelino Peres Filipe, da Cúria Esposende, o Pe. José Pedro Vale Oliveira, da Cúria das Caldas das Taipas, e vários outros Directores Espirituais.

Na homilia, o Director Espiritual do Comitium de Braga  pediu a renovação da Legião de Maria na Diocese, concretizada em três pontos: a renovação pessoal, a renovação da vida dos grupos e a renovação do trabalho apostólico.

"Renovação pessoal, pela Consagração a Nossa Senhora, segundo o Tratado da Verdadeira Devoção, de S. Luís Maria de Monforte, depois da conveniente preparação. Este livro foi o inspirador da Legião de Maria para o Venerável Frank Duff. A renovação da vida dos grupos, chamando às fileiras da Legião pessoas mais jovens, sem deixar de dar apoio aos de pessoas mais idosas. A idade avançada de muitos membros deste movimento é um sinal positivo. As pessoas prendem-se à Legião de Maria e não querem mais abandoná-la. A renovação do trabalho apostólico, lançando-se em trabalhos heroicos que mais ninguém queira fazer. Foi assim que nasceu o Lar de S. José, para mães solteiras, em 19 de Março de 1968", explicou o Pe. Fernando Silva.

A Celebração encerrou com o Hino internacional deste movimento apostólico. Desde a fundação da Legião de Maria em Braga, em 1950, as suas datas festivas têm sido celebradas invariavelmente neste Santuário Mariano, como as Bodas de Prata, em 1985, e as Bodas de Ouro, em 2010.

PARTILHAR IMPRIMIR
Palavras-Chave:
Departamento para a Comunicação Social
Contactos
Director

P. Paulo Alexandre Terroso Silva

Morada

Rua de S. Domingos, 94 B
4710-435 Braga

TEL

253203180

FAX

253203190